CT 2019 TERÁ NOVO FORMATO NA WSL

CT 2019 TERÁ NOVO FORMATO NA WSL

Novo formato da WSL irá privilegiar confrontos homem a homem e agilizar a realização de baterias simultâneas dentro da água

O CT masculino e feminino da WSL será disputado em novo formato em 2019. A mudança foi anunciada no dia 15 conforme rumores.

Neste novo formato, o round 1 classifica os dois primeiros de cada bateria direto para o round 3, em vez de passar apenas o vencedor, como acontecia antes.

O round 2, passa a ter 12 surfistas, e não mais 24, entre os homens, e apenas 6 surfistas entre as mulheres, que serão disputadas em baterias de três atletas, onde apenas o último é eliminado, quatro baterias no masculino, duas no feminino.

Depois, com 32 no masculino e 16 surfistas no feminino, a competição volta ao formato antigo, com chaves simples de confrontos diretos até a final.

Mais uma novidade anunciada pela WSL é que, no novo formato, todas as rodadas com disputas entre dois surfistas podem acontecer com duas baterias simultâneas, independente do local de disputa. Assim, apesar de o número de baterias por evento se manter igual, os campeonatos podem acontecer com mais agilidade.

Até 2018, essas baterias, criadas originalmente para o Pipe Masters, poderiam acontecer apenas em locais determinados.

Ainda não foi confirmado se o novo formato trará também uma mudança na pontuação para a classificação final de cada etapa. No masculino, os 25º e 13º lugares deixam de existir, e retornam o 33º, apenas os quatro surfistas eliminados no R2, e o 17º, para os eliminados no R3. A partir daí, 9º lugar, 5º, 3º, vice e campeão. No feminino, as eliminadas no R2 terminam em 17º, no R3 em 9º e assim por diante.

Em 2018, a WSL modificou a pontuação para estas classificações, com foco no aumento da diferença entre os campeões de etapa e os outros surfistas.

Compre tudo que você precisa para o seu surf aqui na Surf Alive!

Compartilhar: